Publicidade

A cidade que queremos no bicentenário! – Artigo de Gabriel Dias

11 de fevereiro, 2021 às 15:11 - por Gabriel Dias

As vésperas de completarmos 200 anos vivemos um dos momentos mais complexos das nossa história municipal. Chegamos nessa marca com uma dívida histórica de quase meio bilhão de reais, com um hospital que pede socorro, uma insegurança generalizada e uma perspectiva de futuro sombria. Precisamos repensar a forma de fazer política na nossa cidade, sem os ranços ideológicos, mas pensando pragmaticamente em resolver os nossos problemas.

A discussão ideológica entre direita e esquerda não vai fazer nosso hospital saltar de 120 para 320 leitos, como outrora já teve, tampouco vai fazer surgir médicos nos nossos postos de saúde. Também não vai ser a discussão ideológica que vai dar turno integral para todas as nossas crianças, ou um esporte no contra turno para fazer o contra turno esportivo.

O que precisamos neste momento é de um pensamento a médio e longo prazo, que veja a nossa cidade como um município que precisa recuperar sua identidade histórica, suas raízes, trazendo de volta os melhores exemplos daqueles que aqui chegaram há 200 anos e construíram uma das maiores cidades do Rio Grande do Sul.

Essa capacidade de organização que precisamos retomar, com responsabilidade com as contas públicas, conjugando gestão responsável com capacidade de investimentos para melhorar a vida das pessoas, afinal, este é a finalidade de uma administração pública, melhorar a vida de todos.

Precisamos de um plano para equacionar as contas públicas, atrair novos investimentos e investir pesado no potencial tecnológico da nossa cidade, utilizando este potencial principalmente na administração pública, através de parcerias e convênios entre o tecnosinos, município e a universidade. Para isso é preciso diálogo, compreensão do momento histórico, desprendimento de amarras ideológicas e o mais importante de tudo: vontade política de fazer a diferença e o melhor para a próxima geração, não para a próxima eleição.

Só assim conseguiremos mudar a rota da nossa história e retomar os bom momentos que já vivemos, com pujança econômica, saúde de qualidade, infraestrutura adequada e boa educação e segurança.

Essa é a São Leopoldo que queremos para nossos filhos, uma cidade que dê orgulho em aqui vive e que não perde seus filhos para outras cidades por falta de oportunidades. Quem aqui nasce ou adota como sua cidade para viver e construiu família, como eu, quer ver a nossa cidade novamente com esperança de dias melhores e  para isso acontecer, para conseguirmos construir os próximos 200 anos, precisamos olhar para o passado e não cometer os mesmos erros, bem como identificar os acertos e segui-los, inovando de acordo com o tempo que vivemos.

Essa é a São Leopoldo que quero para os meus filhos, uma cidade mais tecnológica, mais propositiva, mais agradável de se viver e construir família, como assim fizeram os imigrantes há quase 200 anos atrás.

Gabriel Dias, é Advogado e Vereador em São Leopoldo pelo partido Cidadania

Publicidade

[RoyalSlider Error] Slides are missing.

2016 - Todos os direitos Reservados