Publicidade

São Leopoldo: Prefeito Vanazzi assina documento para implementação da Delegacia da Mulher ao Estado

06 de dezembro, 2018 às 10:22 - por Redação do www.visaodovalesl.com.br

Na manhã desta quarta-feira, 5 de dezembro, o prefeito Ary Vanazzi assinou o documento que solicita a implementação da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) em São Leopoldo. O momento ocorreu na reunião ampliada da Rede de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher. As tentativas de conquistar a Deam iniciaram anos atrás, por meio de reivindicações do movimento de mulheres apoiado pelo poder público municipal. No entanto, o Estado até hoje não realizou a instalação da delegacia na cidade. O documento assinado pelas autoridades que compõem Rede de Enfrentamento é mais uma tentativa do município de conquistar delegacia especializada.

A coordenadora do Centro de Referência para Atendimento às Mulheres em Situação de Violência – Centro Jacobina, Ana Cláudia Pinheiro, iniciou a reunião relembrando que a decisão de redigir um documento endossado por diversos poderes e autoridades que trabalham com a situação da violência doméstica no município surgiu de um apontamento feito pelo Estado em uma reunião com o chefe polícia Emerson Wendt, em julho deste ano. No momento o Estado alegou nunca ter recebido um documento que oficializasse formalmente o interesse de São Leopoldo em uma Deam. A partir da audiência pública, realizada ainda no mês de julho que contou com representantes do poder estadual e municipal, foi redigido um documento com a reivindicação.

Para a secretária de Políticas para Mulheres, Vanessa Saraiva, o documento representa uma nova etapa nas negociações. ” Esse documento é uma tentativa de firmar um compromisso com o novo governo estadual. A Deam é importante para efetividade da própria Rede de Enfrentamento, com ela atuamos melhor na prevenção, combate, enfrentamento e garantia de direitos que fazem parte dos eixos da política de enfrentamento a violência contra a mulher”, comenta a secretária.

O prefeito Ary Vanazzi destacou o longo período de negociações e tratativas com o governo do estado, passando por gestões anteriores, e espera que o documento traga resultados efetivos. “Espero que até o final da minha gestão a gente tenha a delegacia, senão eu vou sair daqui frustrado”, disse. Vanazzi também deixou claro que o município tem se empenhado para resolver o assunto, inclusive oferecendo áreas de terra e prédios para que o estado instale a Delegacia.

O documento foi assinado pelo prefeito, vice-prefeita Paulete Souto, secretária de Políticas para Mulheres Vanessa Saraiva, secretário de Segurança Carlos Sant’ana, Juíza de Direito do Juizado Especializado em Violência Doméstica e Familiar Michele Scherer Becker, presidente do Comdim Antoninha Della Mea Lima, delegado regional Rosalino Constante Seara, e comandante do 25º Batalhão da Brigada Militar Tenente Coronel Carlos Daniel Schultz Coelho. A entrega ocorrerá no início do próximo ano.

Redação do www.visaodovalesl.com.br/ Colaboração: SCOM/PMSL

Autor

Bado Jacoby

bado@visaodovalesl.com.br

Publicidade

[RoyalSlider Error] Slides are missing.

2016 - Todos os direitos Reservados