Publicidade

SUSPEIÇÃO INDIGESTA – Crônica de João Eichbaum

30 de março, 2021 às 09:59

Três ministros do STF zeraram o saldo de honorabilidade de Sérgio Moro. Declarado suspeito, o juiz, que encantava multidões, foi depenado, despojado das insígnias de herói. Lewandowski e Gilmar Mendes prepararam salada jurídica à base de doutrina, jurisprudência, provas ilícitas, recortes de jornal e palpites furados. Sem a lei, que é o sal do Direito, a salada foi servida em vianda de habeas corpus com efeitos rescisórios.

Carmen Lúcia, com fala mansa de madre superiora, botou uns paninhos nas vergonhas que lhe feriam olhos de virgem em atividade judiciária, e esperou o capítulo seguinte.

Então foi a vez de Kassio Marques. Ele mesmo, aquele que cassara liminar da juíza Solange Salgado, impedindo os ministros do STF de se regalarem à tripa forra com rega-bofes principescos. A folgança gastronômica consistia em “camarão à baiana, medalhões de lagosta com molho de manteiga queimada, bacalhau à Gomes de Sá, frigideira de siri, arroz de pato, pato assado, tournedos de filé e pernil de cordeiro assado”. Tudo regado a “champagne brut premiada internacionalmente, cachaças envelhecidas em barris de madeira nobre, gim, vodca, conhaque envelhecido de dois anos, uísque 18 anos, vinhos premiados” …

Pois exatamente o Kassio que, cassando a liminar, permitira os banquetes imperiais, tomou as dores de Moro. Votou pelo figurino legal, sem conversa mole, sem tergiversações: soubessem os demais que não se reconhece suspeição através de habeas corpus, porque suspeição tem procedimento próprio e, além disso, a Constituição proíbe provas ilícitas.

Mas Carmen Lúcia, fazendo o que a lei não permite (art. 39, 1, Lei 1079/50) voltou atrás, disse amém para Lewandowki e Gilmar e retirou os paninhos que tapavam as vergonhas judiciárias.

O azedume da salada da suspeição deve ter levado Kassio a evocar a liminar da doutora Solange. Mistura de pato com cordeiro assado, camarões à baiana e medalhões de lagosta, tudo precedido de uísque 18 anos e regado a vinhos premiados, empanturra. E as decisões acabam submetidas aos humores da digestão…

.

 

Publicidade

[RoyalSlider Error] Slides are missing.

2016 - Todos os direitos Reservados